SERGIO CORDEIRO CONQUISTA O TÍTULO MUNDIAL DE ULTRATRIATHLON

Sergio Cordeiro é um desses heróis brasileiros, cuja história de vida facilmente daria um filme de sucesso. Somente uma incrível força de vontade, forjada apenas nas almas dos homens de origem humilde, pode explicar as conquistas deste Atleta.

Hoje Sergio Cordeiro viveu um dia merecido de glória e reconhecimento. Ao retornar do México ostentando nada menos que o título de Campeão Mundial de Ultratriatlhon, Sergio foi recebido pelo Presidente da Liga Gonçalense de Desportos José Antônio Machado, que o acompanhou em desfile em carro aberto oferecido pelo Corpo de Bombeiros de São Gonçalo, desde a praça do Barreto no limite do Município até a sede da Prefeitura Municipal. Sergio foi recebido pela Prefeita Aparecida Paniset que parabenizou o atleta e agradeceu o título em nome do povo Gonçalense. Outra surpresa reservada ao Campeão foi a homenagem prestada pelas crianças de vários esportes do Projeto Se Liga que participaram da cerimônia do hasteamento da Bandeira Brasileira com a queima de fogos, realizada no pátio da Sede da Liga Gonçalense de Desportos.

Aos 27 anos de idade Sergio Cordeiro decidiu iniciar sua carreira e para chegar ao título Mundial de Ultratriathlon, teve que transpor obstáculos inimagináveis aos melhores atletas do Mundo. Como explicar a um Austríaco que além de se preocupar com o tempo realizado no percurso da corrida o Atleta brasileiro teve de escapar de um assalto que custou a bermuda e o tênis importado, como fazer entender a um Sueco que foi uma linha com cerol a causa da cicatriz no rosto durante o treino de ciclismo. Talvez isto ajude a explicar como é que Sergio Cordeiro aos 51 anos de idade conseguiu vencer os atletas mais bem preparados do Mundo, em seus próprios Circuitos, com temperaturas abaixo de zero, muitos 30 anos mais jovens, como no caso do Mariner Americano, que na etapa da Virgínia em plena temporada de furacões, fazia pouco caso de Sergio Cordeiro no início da prova, mas no final do circuito, arrasado , sentado no meio da pista, assistia incrédulo a passagem de nosso campeão.

O Ultratriatlhon é um esporte para poucos, além de exigir máximo da força física, exige também muita resistência e concentração, além de um razoável investimento em treinos e equipamentos. As provas podem chegar a duração de três dias e três noites ininterruptas.

O Circuito Mundial de Ultratriatlhon 2005 foi composto de sete etapas, e contou com a participação de 22 países. A primeira etapa começou em abril na cidade de Ibarra Equador, a segunda e terceira etapas foram realizadas na Áustria na cidade  de Neulengbach em maio e na cidade de Moosburg em junho, onde as maiores dificuldades para os brasileiros são a  altitude e as baixas temperaturas; A quarta etapa foi realizada no Canadá na cidade de Levis em julho; A quinta etapa foi realizada na Lituânia na Cidade de Panevezys em agosto; A penúltima etapa foi realizada em Virgínia Beach USA, em outubro e a última e decisiva etapa foi realizada no México na cidade de Monterry de 06 a 11 de novembro de 2005. A prova que definiu o Circuito Mundial foi um quíntuplo ironman, com distâncias de 19km de natação, 900km de bicicleta e 211km de corrida. Foi a primeira vez que Sergio Cordeiro enfrentou um desafio deste tipo mas completou a prova em 3 dias e nove horas.

Texto: Paulo Costa de Jesus